Agosto e toda a ousadia e alegria do BEDA

Durante o mês de agosto domingo foi dia de compartilhar os links que eu mais tinha curtido durante a semana, então se hoje é domingo e ainda é agosto, hoje também é dia de links, certo? Errado. Primeiro porque amanhã é dia de Blogday e teremos links do amô por aqui, segundo porque essa semana foi tão corrida que mal pude acompanhar os links dos amigos. (Foi mal, migos! ¯\_(ツ)_/¯)

Então puxem seus banquinhos aí e vamos conversar.

Resolvi entrar nessa loucura de BEDA de última hora com a certeza de que mais cedo ou mais tarde eu falharia (observem como a pessoa acredita nela mesma). O problema é que eu tinha um total de 0 rascunhos, não dava nem pra ganhar uns dias de vantagem. Eu simplesmente ouvi um “valendo” ao fundo e fui tentando conciliar a vida com postagens diárias.

Foi difícil, foi. Foi intenso, foi verdadeiro, mas sincero deu certo. Teve post que foi ao ar depois da meia-noite, mas como eu ainda não tinha dormido considerei ser do dia anterior. Então no fim ficou tudo certo.

*eu agora

Nesse tempo aprendi algumas coisas, como, por exemplo, é preciso ter foco, força e fé versão blogs, sem frango com batata doce. Planejamento ajuda muito, mas às vezes as coisas saem do controle e você precisa de jogo de cintura até colocar as coisas no eixo novamente. Faz parte.

Quando falam que quanto mais você escrever, mais fácil fica, é verdade, você vai pegando o jeito e suas ideias vão fluir que é uma belezinha. Só que esse lance de postar todo dia complica quando você precisa conciliar com o resto das tarefas (seja trabalho, estudo, casa e/ou família).

Escrever é um prazer, mas se você não tem aquele tempo de ~aproveitar as coisas~ você fica sem ter o que falar e escrever apenas sobre escrever pode ficar cansativo. A correria feat. cansaço também pode diminuir a qualidade dos textos, por isso que escrever todo dia sempre, de janeiro a janeiro, pode não ser uma boa ideia quando você tem outras tarefas para dar conta.

Além do mais, há ideias e textos que precisam de um tempo na incubadora para amadurecer, é importante saber e respeitar isso. Eu sempre fui muito lenta para completar posts e com o BEDA acabei aprendendo a me virar no tempo que tinha, isso pode ter causado um atropelamento de ideias. Espero ter aprendido a lição.

Amanhã acaba agosto, acaba o BEDA e aí voltamos com a programação normal. Talvez depois de passar pelo nível very hard de postagem todo dia, voltar a postar duas vezes por semana pode ser fácil demais e aí quem sabe não role três postagens semanais. Pode ser, vai depender do cosmos (e de mim).

Por enquanto vou só colocar ordem na bagunça que deixei e continuar com a frequência pré-BEDA. Obrigada a quem acompanhou esse mês de loucura! Continuem voltando porque a casa continua aberta! ❤

Que venha setembro, os outros meses e tudo mais.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s