Guia prático de como ser o pior vizinho do mundo

Nesses meus 26 anos de vida tive muitos vizinhos, de todas as cores, sexo, idades, estados civis, tipo a música do Martinho da Vila. Posso dizer que fiz um intensivão que me capacitou a escrever esse post, principalmente porque acredito ter sido premiada com tanta loucura ao meu redor.

Antes de casar morava em um condomínio que parecia o Jambalaya, aquele de Toma Lá Dá Cá, depois mudei para uma casa no interior, achei que fosse viver em calmaria, mas parece que as coisas ficaram mais loucas. Da até pra escrever um livro só com história de vizinho.

Pensando em todas essas pessoas e todas as vezes que quis me vingar, juntei todas as atitudes mais bizarras e irritantes e criei esse post, assim, talvez, se eu fizer o pior de cada vizinho eu consiga me tornar a pior vizinha do mundo. Se você também não aguenta mais seu vizinho, respira fundo e se atente as dicas:

1- Durante a semana separe suas músicas favoritas e, quando chegar sábado, de preferência logo cedo, o mais cedo que você puder, coloque para tocar alto. É algo para trazer boas energias para o dia. Minha dica é fazer sábados temáticos: o melhor do brega, o melhor do É o Tchan, o melhor da sofrência e por aí vai.

2- Seja sempre presente. Mostre a sua amizade e carinho pelos vizinhos, toque suas campainhas só pra dar um alô, telefone/interfone só pra dizer que ouviu que ele chegou bem em casa, comente com ele sobre coisas que você escutou através da parede ou coisas que você stalkeou por redes sociais. É bom se sentir querido e protegido, né?

“Vizinho? Eu sei que você está aí, ouvi você respirando…”

3- Quando sentir aquele cheirinho delicioso de comida vindo da casa do vizinho, perca a vergonha e bata na casa dele, se ele não te convidar para almoçar/jantar peça um pouquinho de sua comida pra levar pra casa. Isso se chama reconhecimento.

4- Ensine seu cachorro a fazer necessidade no lugar certo: na porta do vizinho. Se precisar você pode usar aquele spray pra ensinar o cachorro a fazer xixi-cocô no lugar certo (Acreditem ou não: isso já me aconteceu tanto morando em casa quanto em apartamento).

5- Uma confusãozinha de nada é sempre boa para movimentar o dia e nada como briga de vaga/garagem. Estacione o carro no lugar errado ou de forma completamente aleatória. Ignore regras como “esta é a sua vaga”, “aquela é a vaga do vizinho”, ignore faixas, limites, ignore tudo e faça o que você quiser.

6- Falando em confusão, arrume confusão com entregadores, outros vizinhos, ex-namoradas, conhecidos, com todo mundo. Deixe a pessoa aparecer na sua porta/janela e ameace chamar a polícia. Aliás, mais importante que ameaçar é chamar a polícia. Ás vezes os policiais estão cansados de correr atrás de bandidos, então seria bom dar uma folga a eles e oferecer um cafezinho com pão quentinho só pra dar um susto nas suas inimizades.

7- Chame alguém para ir a sua casa e, quando ela tocar a campanha, finja que não está. Por diversão mesmo. Deixe a pessoa tocar a campainha, gritar seu nome, começar a te ameaçar, etc. Você vai se divertir, o vizinho não. Principalmente se for durante a noite. No meio da madrugada.

8- Com o tempo você percebe que tem coisa demais na sua casa, ou que tem uns lixos que você não quer colocar necessariamente na sua lixeira, seja por vergonha ou por preguiça, então o que fazer? Jogar na casa do vizinho. Pode ser casca de banana, ovo estragado, um simples pedaço de papel ou até camisinha.

9- Faça festas memoráveis na sua casa/apartamento, de segunda a segunda, comece cedo e termine tarde. Quanto mais festa, mais diversão. Para melhor receber seus convidados, não se esqueça de arrastar móveis para deixar o lugar mais aconchegante (ou espaçoso, dependendo do tamanho da festa) e testar toda a trilha sonora com antecedência.

10- Por último e não menos importante, mostre que você é humano e feito de sentimentos, grite ao mundo sua raiva (ou o seu amor). Tenha uma DR com sua esposa, filhos, com o cara do telemarketing, com o porteiro ou com quem for, desde que todos consigam ouvir e sentir esse descontentamento dentro de você. Se tiver amor na relação, grite da mesma forma, o importante é todos saberem.

Simplesmente ignore

Se você seguir essas dicas provavelmente você conseguirá arrancar do seu vizinho o título de vizinho mais pentelho da vizinhança.

Ps. As dicas acima podem te levar a ser expulso do condomínio. Use com moderação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s